10 Mincs incomodam muito mais

04/06/2009

Carlos Minc, Ministro do Meio Ambiente

Carlos Minc, Ministro do Meio Ambiente

Vigaristas! Foi como denominou, o Ministro Carlos Minc, os Ruralistas brasileiros. De cima de um caminhão, numa reunião de pequenos agricultores, o Ministro do Meio Ambiente desferiu o seu discurso inflamado. Foi o bastante para enfurecer toda a bancada ruralista e de oposição do Senado Federal.

A Senadora Kátia Abreu (DEM-TO) foi quem mais veemência aplicou no discurso em prol dos Latifundiários, ela faz parte da bancada ruralista e é Presidente da Confederação de Agricultura e Pecuária do Brasil.

Certo que Minc foi levado pela emoção do momento e falou um pouco demais. Os ruralistas são responsáveis por 1/3 dos empregos e das exportações brasileiras. O que levou a Senadora do DEM a dizer: “O Brasil pode viver muito bem sem o senhor, mas o Brasil sentirá muito se perder os seus produtores rurais”. Porém essa frase da Sen. Kátia não justifica nem dá respaldo ao Sen. Tasso Jereissati (PSDB-CE) de pronunciar o seguinte: “Se dez Mincs desaparecessem da Terra hoje, não fariam nenhuma falta! Não estou querendo que eles desapareçam, até porque eles são engraçados, são divertidos, apenas que não falem bobagem. Mas, se desaparecessem, não fariam a menor falta a nenhum brasileiro”.

Quero dizer aqui que tanto o nosso Ministro do Meio Ambiente quanto os Ruralistas Brasileiros, se desaparecessem da face da Terra, fariam muitíssima falta a todos nós. Um por questões ambientais e os outros por questões econômicas.

O que não faria falta alguma ao Brasil, sem dúvida nenhuma, seriam os Políticos Corruptos. E ao invés de desaparecerem uma dezena de Ministros do Meio Ambiente, poderia sumir do mapa apenas um Tasso Jereissati e já faria toda a diferença. O Brasil seria melhor e o Senado Federal menos corrupto.

Prefiro Mincs à Jereissatis!

Uma resposta to “10 Mincs incomodam muito mais”

  1. rodrigomenezes said

    Mais! Nesta quinta-feira (4), o Ministro e Deputados ligados à área ambiental, levaram ao presidente da Câmara as PECs que desejam transformar a Caatinga e o Cerrado em patrimônio da humanidade. Minc disse que iria resistir dignamente no cargo. E tentou ser cortês com a senadora Kátia Abreu, que pediu sua demissão no plenário do Senado.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: